quarta-feira, 1 de julho de 2009

parabéns CRISTINA














Parabéns, Cristina, pelo seu aniversário

A seguir o Soneto de Aniversário de Vinicius de Moraes (escrito em azul) e a respostas de Cristina (em vermelho).

Soneto de aniversário

Passem-se dias, horas, meses, anos
Tudo passa Vinícius O tempo corre sem saber porque...

Amadureçam as ilusões da vida
Hum...minhas ilusões... Umas perdi,outras esqueci,e algumas continuam meninas.

Prossiga ela sempre divididaEntre compensações e desenganos.
Eu diria: Foram muitos os desenganos e imensa as compensações.

Faça-se a carne mais envilecida
O tempo dá conta disso.

Diminuam os bens, cresçam os danos
Já fiz essa equação.

Vença o ideal de andar caminhos planos
Ah eu venci esse desafio.

Melhor que levar tudo de vencida.
Concordo poeta.

Queira-se antes ventura que aventura
Aprendi cedo esse segredo

À medida que a têmpora embranquece
Chegarei lá.

E fica tenra a fibra que era dura.
E eu te direi: amiga minha, esquece...
Não posso

Que grande é este amor meu de criatura
Isso é fato

Que vê envelhecer e não envelhece.
Sinto o que afirmas. Agora vamos brindar poesia, a vida e ao amor: Infinito enquanto dure.
Ah meu poetinha
Também amo nessa diversa realidade
como amigo e como amante
Um amor calmo repleto de saudades
Cheio de liberdade e intenso a cada instante
Sei o que é sentir um amor maciço, concreto e sem virtude
Chamado mistério, que brota do inexplicável da vida
E por amar assim tão loucamente
também hei de morrer
por amar mais do que pude.

2 comentários:

POEMAS E POESIAS disse...

Que maravilha esses versos teu, cheio de sensibilidade! Adorei. Beijos

Augusto disse...

É verdade. Os versos de Cristina são repletos de sensibilidade, amor, desejos, sonhos; como ela.